1 º Trimestre de 2017 - O Espírito Santo e a espiritualidade
Comentário da Lição 08 - Os dons do Espírito Santo


11 usuários online   
Terça-feira, 21/2/2017

O propósito dos dons espirituais

Fonte: A | A | A
Comentário por Wanderley Gazeta envie para um amigo | versão para impressão
Como participantes do Reino de Deus, temos atribuições específicas. Nem sempre estas atribuições são feitas através da Comissão de Nomeação. Temos parte a desempenhar na Igreja de Deus que ultrapassa o que é formalizado através dos procedimentos conhecidos para atribuição de papéis.

Diante de Deus, todos os dons e habilidades recebidos naturalmente devem ser aplicados para contribuir com o objetivo maior da Sua Causa. Devem ser cultivados para alcançar os propósitos espirituais de unidade na Igreja. Nossas atribuições vão desde as atividades que devemos realizar para o bom andamento dos cultos e das atividades missionárias até aquelas que são necessárias para exercer a unidade do corpo da Igreja, isto é, o trabalho com os de dentro. Cada um tem sua especialidade. Mas qualquer que seja ela, se exercida com o objetivo de que os holofotes estejam voltados para si, certamente isso provocará um resultado bem distante daquele desejado por Deus.

A questão é que esses casos sempre existirão na Igreja e, nesse caso, é preciso a intervenção de outros com as suas especialidades de acalmar e promover a unidade e a pacificação. Também é necessário que haja aqueles que advertem com sabedoria. Seja qual for a sua especialidade, se ela for utilizada pelo Autor das virtudes, será utilizada para o bem de todos e da Causa.

Existe uma ilustração que cabe bem nesse contexto, a chamada “parábola das ferramentas”. Vou resumi-la. Ela enfatiza a importância de todas as ferramentas na oficina do carpinteiro mestre. Depois de uma discussão entre elas, sobre quem era realmente necessária para o trabalho e contribuía mais para o bom resultado, entra o carpinteiro e faz um lindo móvel. Cada uma deu a sua contribuição. Todas foram importantes e indispensáveis para o resultado final: Um lindo púlpito de onde seria pregada a Palavra.

A moral da história é que cada um deve procurar fazer bem o seu trabalho sem se preocupar com o que é atribuição dos outros. E não é preciso apagar a luz dos outros para fazer brilhar a sua. A união entre os cristãos e o amor interessado no sucesso do outro e do grupo deve predominar no espírito de cada um para que o manancial dos dons e virtudes do Espírito seja aberto. Só assim o Espírito Santo será derramado em profusão. Embora haja e sempre haverá alguns que insistem em causar dissensões e retaliação, hoje a consciência em favor da unidade tem crescido em nossa Igreja e juntos podemos refletir melhor sobre as possibilidades que estão ao nosso alcance de influenciar para o bem os de dentro e os de fora.

Pense:Notai que só depois de haverem os discípulos entrado em união perfeita, quando não mais contendiam pelas posições mais elevadas, foi o Espírito derramado. Estavam unânimes. Todas as divergências haviam sido postas de lado. E o testemunho dado a seu respeito depois de derramado o Espírito, é o mesmo. Notai a expressão: "Era um o coração e a alma da multidão dos que criam." Atos 4:32. O Espírito dAquele que morreu para que os pecadores vivessem, animava toda a congregação de crentes.” Ellen G. White, E Recebereis Poder – Meditação Matinal, pág. 289, Casa Publicadora Brasileira.

Desafio: João 17:21. Todos os fiéis obreiros de Deus trabalharão em conformidade com essa oração. Em seus esforços para impulsionarem a causa, manifestarão todos aquela unidade de sentimento e prática que revela serem eles testemunhas de Deus, que se amam uns aos outros. Para um mundo dividido pela discórdia e luta, o seu amor e união dará testemunho da sua ligação com o Céu. É a prova convincente do caráter divino da sua missão.” Ellen G. White, Testemunhos Seletos - Volume 3, pág. 157, Casa Publicadora Brasileira.
Coloque o seu comentário abaixo. Participe dando a sua contribuição para esse nosso ambiente de estudo. Você é parte dele! Distribua as bênçãos que Deus lhe confiou, e Ele as multiplicará em sua vida e na dos outros também!

divulgue o site aos seus seguidores


Se você aprecia este ambiente, divulgue o endereço em sua igreja e envie este comentário para um amigo


Nome:
igreja/cidade:
E-mail:
Comentário:

Comentário por: Wanderley Gazeta
É professor no UNASP desde 1982. Tem dois filhos, Jean Marcel e Marcus Fernando.
menu de navegação

Culto Divino ao vivo (sexta 20h e sábado 9h)
Projeto que financia centenas de Obreiros Bíblicos na janela 10-40!!!

Livro de autoria do Pr. Albino Marks sobre a visão bíblica da origem do Universo. VALE A PENA LER!!!



Ainda não foram publicadas atividades nesta semana.


AR-Alta Resolução BR-Baixa Resolução
Video de até 3 min para introduzir o estudo da lição na igreja
use o botão direito do mouse e escolha salvar destino como ou salvar link como

 





 
Receba os comentários diariamente no seu e-mail.

Clique e cadastre-se

 
Lições Anteriores
Desde 2002


 

Veja os comentários das outras lições

Adultos
Adolescentes
Jovens

© Escola no Ar 2001-2008 • Todos os direitos reservados
Coordenação › Wanderley GazetaWebmater › Rodrigo Matias
UNASP Engenheiro Coelho