3 º Trimestre de 2018 - Testemunhas de Cristo
Comentário da Lição 03 - Os primeiros lideres da igreja


44 usuários online   
Sexta-feira, 20/7/2018

Sentimento de inferioridade

Fonte: A | A | A
Comentário por Gleyston Max envie para um amigo | versão para impressão
Todas as pessoas possuem um desejo interior de serem reconhecidas. Elas querem se sentir importantes e valorizadas. Elas só conseguem entender o que significa a existência quando se sentem úteis. A pior atitude que alguém poderia causar ao individuo é fazer com que se sinta inferior aos outros, isso é um atentado não apenas contra o individuo, mas contra a sociedade, pois alimenta a hierarquia de um grupo em detrimento do outro. Essa atitude pode causar preconceito e diminuir o respeito mútuo.

A obra de apagar a igualdade que temos diante de Deus não é divina, parcialmente humana, mas totalmente satânica. Por causa disso, a igreja precisa deixar de lado o espírito de superioridade e entender que todos são iguais. Pelo incrível que pareça, olhamos para o irmão que pecou e ao invés de sentir tristeza por ele, tiramos um peso de nossas costas, pois afinal, não pequei como ele. Criamos justificativas para os erros que cometemos, sempre, nos remetendo aos pecados dos outros como piores que os nossos. Somos iguais em tudo, somo filhos de Deus e herdeiros, mas também somos todos pecadores e carentes da graça de Deus, não há nenhum melhor que o outro.

A igreja que cumpre a vontade de Deus é aquela que faz as pessoas se sentirem iguais, sem superioridade. No entanto, existe um elemento que não deve ser esquecido: quanto mais nos aproximamos de Cristo, mais o sentimento de inferioridade cresce, não com o outro, mas comigo mesmo. Sinto-me o pior dos pecadores (1 Timóteo 1:15). Na realidade, esse é o caminho que a igreja precisa trilhar, precisar andar seguindo Jesus até o fim e perceber que perto Dele, somos todos pecadores. Deus abençoe o seu sábado e que você consiga separar um tempinho para meditar nas verdades aprendidas nessa semana e que os ensinamentos façam a diferença.

Pense: “Cristo odeia a vã pretensão. Quando na Terra, Ele sempre tratou com ternura o penitente, embora este fosse o pior dos pecadores; mas suas denúncias caíam pesadamente sobre toda a hipocrisia” (Ellen White, Testemunhos para a igreja, V. 4, p. 6114).

Desafio: Aproveite o tempo para rever a lição e fazer anotações para que amanhã você contribua bastante na recapitulação da classe.
Coloque o seu comentário abaixo. Participe dando a sua contribuição para esse nosso ambiente de estudo. Você é parte dele! Distribua as bênçãos que Deus lhe confiou, e Ele as multiplicará em sua vida e na dos outros também!

divulgue o site aos seus seguidores


Referência:



Se você aprecia este ambiente, divulgue o endereço em sua igreja e envie este comentário para um amigo


Nome:
igreja/cidade:
E-mail:
Comentário:

Comentário por: Gleyston Max
Formado em Teologia, atualmente cursa Jornalismo, ambos no UNASP-EC. Casado com Raquel Pontes, mora em Engenheiro Coelho e gosta de dedicar horas para pesquisa bíblica.
menu de navegação
 


Ainda não foram publicadas atividades nesta semana.

Culto Divino ao vivo (sexta 20h e sábado 9h)
Projeto que financia centenas de Obreiros Bíblicos na janela 10-40!!!



AR-Alta Resolução BR-Baixa Resolução
Video de até 3 min para introduzir o estudo da lição na igreja
use o botão direito do mouse e escolha salvar destino como ou salvar link como

 


Abertura para a Classe




 
Receba os comentários diariamente no seu e-mail.

Clique e cadastre-se

 
Lições Anteriores
Desde 2002


 

Veja os comentários das outras lições

Adultos
Adolescentes
Jovens

© Escola no Ar 2001-2008 • Todos os direitos reservados
Coordenação › Wanderley GazetaWebmater › Rodrigo Matias
UNASP Engenheiro Coelho